sábado, 1 de setembro de 2012

Lançamento de Ohmtar, Um cenário de campanha nacional de fantasia

Hoje, dia 1º de setembro de 2012, eu foi lá na Gibiteria Bárbaras Magias, na Cinelândia, Rio de Janeiro, prestigiar o grande Alexandre Sarmento no lançamento do seu livro, cenário de campanha, Ohmtar - Guia dos Sete Mundos. Apesar do livro ter sido feito com foco para ser utilizado para a quarta edição de Dungeons & Dragons, o cenário, em si, pode ser usado e adaptado perfeitamente para outros jogos de fantasia. Para se ter uma noção, o livro lançado agora, tem um pouco mais de 310 páginas, com mais de 260 delas só sobre o cenário, sem se apegar a regras do jogo. Ou seja, é muito material para ser usado, absorvido e abusado por qualquer um, quer você jogue a quarta edição, ou não.

O cenário é obra de muita pesquisa e dedicação do Alexandre, que não pararam nesse livro. Ainda há muitas coisas sobre Ohmtar que podem vir por aí, e ele utiliza histórias e narrativas que jogadores do cenário criam para incorporar no mundo e andar com a história do jogo. Inclusive, o cenário surgiu justamente de uma campanha criada por ele e seus jogadores nos primeiros anos do lançamento da quarta edição de D&D, e hoje, esses personagens, fazem parte do cenário, como entidades poderosíssimas.

Ohmtar é um cenário completo, com sua própria cosmologia (são sete mundo, ligados a sete sentimentos e sete cores, analogias muito bem pensadas, aliás), próprios deuses, personalidades, e criaturas. O planeta central, o quarto, criado a partir da coragem do criador, chamado de "O Mestre", é simbolizado pela cor verde e se chama Agrippa, e é onde ocorrer as principais disputas cósmicas e onde vivem os povos mortais. A cada planeta acima ou abaixo do quarto, as coisas vão ficando mais distantes da realidade e mais alienígenas, mas ainda com ligações com os outros planetas.

Este é um cenário de fantasia alta, onde os personagens não são aventureiros exploradores de masmorras em busca de fama e ouro. Ohmtar foca na jornada do herói, no caminho que ele percorre, nas mudanças que ele sofre, e no seu impacto no mundo. E o livro trate bem desse aspecto, com dicas e reflexões sobre esse assunto. Os próprios mundos e entidades que o povoam foram criados pel'O Mestre para testar seus escolhidos, os heróis, e realizar mudanças.

Além disso, o cenário é muito bem descrito e abordado, detalhando regiões cidades, reinos, personalidades, religiões, entidades, monstros, dicas para criação de personagens condizentes com o cenário e muitos, mas muitos ganchos para aventuras, o que é uma tremenda ajuda e grande sacada do Alexandre. Quem sabe alguns desses ganhos não se tornam aventuras prontas para se introduzir jogadores ao cenário.

Enfim, eu ainda não li o livro todo, aliás, comecei a ler agora mesmo, mas dei uma boa olhada nele e gostei do que vi. Aliás, o livro é bem bonito, bem diagramado, organizado e fácil de entender. Destaque para o design feito pelo próprio Alexandre (o cara faz tudo, e bem). Quem quiser conhecer um pouco mais sobre os Sete Mundos, pode visitar esse link e ler um resumo e introdução do cenário. Além disso, há uma página com alguns previews do livro Guia dos Sete Mundos que você pode dar uma olhada no conteúdo do livro.

Para quem gostar do que viu, pode ir lá no site do Ohmtar e encomendar o seu exemplar. A tiragem é limitada e totalmente independente. Na loja do site, o preço é R$ 74,90, por um livro em formato A4, com 310 páginas em preto e branco e capa de papel cartão colorida, que vem com um mapa do cenário em cores. Em breve deve entrar para venda uma versão digital também.

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.