quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

O que vocês veem... Nas planícies

Faz bastante tempo que não posto nada por aqui da série “O que vocês veem...” e como um leitor me perguntou sobre essas postagens há pouco tempo, decidi revisitá-las para, quem sabe, produzir um PDF compilando todas elas (e quem sabe até imprimir umas zines com elas).

Na minha breve olhada sobre todas as postagens, percebi que, apesar delas cobrirem bastante localidades, principalmente as mais comumente representadas nos jogos de fantasia, ficou faltando uma tabela com visões e cenas de uma travessia por uma planície / campos abertos. Esses lugares são bastante comuns em mapas, e ficam geralmente localizados ao redor das cidades de onde os aventureiros partem e provavelmente contêm sinais de civilizações atuais e passadas, assim como fazendas, animais e alguma vida silvestre. Encontros com indivíduos são mais comuns nesses locais que em outros (fora nas cidades, é claro).

Esse artigo é sobre uma lista de encontros e coisas que os personagens podem ver quando estiverem passando por algum lugar. Ela serve para aqueles momentos em que eles estão andando pelo local e você quer descrevê-lo, passar uma ideia de como ele é, mas sem se repetir. Basicamente você pode utilizar esse tipo de lista para te auxiliar em descrições dos locais, inserção de cenas e imagens durante os encontros, atração e ganchos para histórias, e inspiração para cenas. A cada episódio do "O que vocês veem..." eu farei uma lista de situações ou cenas que os personagens podem ver em algum ambiente. O primeiro artigo foi sobre florestas e já tivemos outros sobre cidades, masmorras, tavernas, pântanos, montanhas, ruínas, ilhas tropicais e desertos.

d100
Cena
1
Uma grande coluna partida de uma construção antiga que não mais está de pé.
2
Os restos de uma antiga estrada cortando os campos já coberta por vegetação. Apenas algumas pedras ainda podem ser vistas entre a mata.
3
O rastro de um grupo de pessoas pelo campo que desaparece do nada.
4
Uma colina baixa e solitária e, sobre ela, dezenas de estacas com crânios encravados.
5
Os restos mortais de um cavalo morto em putrefação, com corvos devorando sua carniça.
6
Uma criança perdida, filha de pastores. Ela disse que viu seu pai sair de noite sem falar nada com ninguém e o seguiu.
7
Um pastor de ovelhas conduzindo seus animais. Por alguma razão ele sabe o nome dos personagens.
8
Um arco de uma construção antiga permanece em pé, como um portal para o nada. Não há restos de nenhuma construção ao seu redor.
9
Uma pequena fazenda, com cerca de madeira, onde vive uma pequena família, com porcos e plantação variada. Ao redor da cerca, tripas de animais para apaziguar espíritos.
10
Uma pequena caravana de comerciantes se dirigindo para a cidade mais próxima. Eles tentam vender suas mercadorias aos aventureiros.
11
13 espadas encravadas no chão formando um círculo. No centro, uma única pedra, redonda.
12
Um amontoado de terra, com um elmo partido sobre ele.
13
Uma família, carregando tudo que conseguiu de sua pequena propriedade no norte, ruma à cidade próxima em busca de oportunidade.
14
Uma família, carregando apenas poucas coisas, fugindo de sua casa no sul.
15
Um acampamento vazio, com três barracas, e uma fogueira recentemente apagada.
16
Um grupo de soldados da cidade próxima em busca de um fugitivo.
17
Um grupo de soldados da cidade próxima escoltando um nobre viajando para outro local.
18
Um grupo de soldados da cidade próxima em missão secreta para um nobre.
19
Um homem fugindo da cidade próxima.
20
Uma grande área dos campos queimada.
21
Um grande obelisco negro e ao seu redor oferendas de diversos tipos.
22
Um escudo com o símbolo de uma casa nobre banida da cidade próxima caído no chão.
23
Uma estátua de uma mulher dançando nua, intacta, no alto de uma colina baixa.
24
Um poço antigo, seco, e cheio de ossos no seu interior.
25
Um poço ainda com água, com balde e corrente. Marcas de sangue nas pedras.
26
Um poço vazio, com uma pessoa desmaiada dentro dele.
27
Uma pessoa caída na trilha, desacordada e sem memória.
28
Uma trilha que parece bastante viajada mas sobre a qual o grupo não encontra ninguém.
29
À noite, o grupo vê ao longe a luz de uma fogueira com pessoas dançando.
30
Ao longe, uma pessoa caída sobre um cavalo que anda vagarosamente.
31
Uma manada de cavalos selvagens correndo ao norte.
32
Um bando de pássaros voando em uma formação em V na direção para onde o grupo se dirige.
33
Bandidos com dois prisioneiros sendo carregados para a mata.
34
Os resto do que parece ser uma carroça antiga, já cheia de cupins.
35
Uma carroça ainda nova e em bom estado, com a roda quebrada, e o rastro de pessoas que leva até uma área de vegetação mais alta.
36
Um estreito riacho cortando o campo. Um brilho metálico pode ser visto na areia do fundo.
37
Nuvens negras se amontoando no horizonte. Os próximos dias serão de chuvas e lama.
38
O leito seco de um antigo rio que agora serve como caminho.
39
Uma grande plantação de cereais abandonada.
40
Um pequeno casebre de madeira, velho, apodrecido, com restos de roupas e utensílios.
41
Um pequeno casebre de madeira, velho, mas aparentemente ainda habitado.
42
Um pequeno lago cheio de patos.
43
Um pequeno lago com um barco onde um homem parece estar pescando.
44
Os restos de uma torre em ruínas e ao redor dela diversas pedras que caíram dela.
45
Uma parte do campo onde não cresce nenhuma vegetação e de onde pode-se ver diversas ossadas humanas parcialmente enterradas.
46
12 árvores da mesma espécie formando um círculo, solitárias.
47
Uma única árvore, enorme e antiga, seca, com a casca esbranquiçada.
48
Uma grande rachadura no chão. Do buraco, pode se ver um piso trabalhado.
49
Uma ovelha perdida de seu rebanho, assustada ao ponto de ficar paralisada.
50
Um caçador voltando de seu trabalho carregando uma grande presa.
51
Os restos mortais de um caçados aparentemente atacado por uma besta grande e feroz.
52
À noite, uma matilha de lobos que espreita o grupo.
53
Uma estrela cadente, que parece cair na linha do horizonte, seguido de um brilho forte.
54
À noite, um homem com uma lanterna com luz fantasmagórica que parece seguir o grupo sempre no limite da visão.
55
Uma lanterna quebrada, à beira da estrada.
56
Os restos de uma pequena vila. Apenas algumas construções que tinham a base de pedra e a pequena capela. Nenhum traço de presença humana permanece.
57
Uma pequena vila que não consta nos mapas. Apenas meia dúzia de construções e um poço no centro do vilarejo. Os aldeões não são receptivos.
58
Um grupo de homens encapuzados que evita encontrar o grupo e foge dele.
59
Mantos de cultistas com símbolos sinistros abandonados no mato.
60
Uma adaga ritual, em forma de serpente, suja da sangue.
61
Um campo florido, cheio de flores de várias cores com um aroma doce.
62
Um campo de flores mortas e secas.
63
Uma única rosa nascendo sobre uma colina baixa.
64
Um amontoado de formigueiros gigantes e no centro dele o cadáver de uma pessoa coberto de formigas.
65
Um grupo de nômades andarilhos em uma carroça perguntando a direção para a cidade mais próxima.
66
Os restos de uma estrada larga, de pedras lisas que segue por uns 500 metros até desaparecer de novo.
67
Um posto avançado da guarda da cidade mais próxima.
68
Um posto avançado da guarda da cidade mais próxima, porém abandonado.
69
Os restos de uma carruagem de um nobre da cidade mais próxima. Corpos dos guardas estão espalhados ao redor, mas não do nobre.
70
Uma mão decepada, caída na grama, com um anel com um brasão desconhecido.
71
Um cemitério à beira da estrada, com poucas covas, mas um número delas abertas igual ao número de personagens no grupo.
72
Uma matilha de lobos cercando uma caravana de mercadores.
73
Um grande pedregulho em um vale de um rio no formato de um rosto barbado.
74
As pegadas de uma criatura gigantesca, que parece ter passado correndo por aqui.
75
Uma pedra quadricular, negra, totalmente lisa. Ao redor dela, nenhuma vegetação cresce.
76
Uma cerca de espinhos ao redor de uma pequena cabana de madeiro. Dentro dela, apenas duas cadeiras de balanço.
77
Uma fonte de água seca na forma de um ciclope.
78
Os restos de uma gigantesca colina solitária. Se isto sustentava algo, deveria ter proporções absurdamente grandes.
79
Dentro das ruínas de uma construção aparentemente grande de pedra escura, um trono também de pedra, porém alva, ainda intacto e todo decorando com símbolo de aves de rapina.
80
Um grande patamar feito de pedra branca polida, com desenho de estrelas, no meio do campo.
81
Um muro antigo, muito alto, feito com pedras maciças e gigantescas, coberto de era e vegetação.
82
No nascer ou por do sol, a luz do sol refletindo nos campos, parecendo tornar tudo dourado, como se o chão fosse ouro.
83
Uma grande quantidade de animais (como búfalos ou bois) mortos, aparentemente sem ferimentos.
84
Um velho louco, falando em uma língua incompreensível, nu, sujo e cheio de insetos.
85
Uma placa com direções, indicando o caminho para a cidade mais próxima mas com dizeres pintados falando que só há morte e traição lá.
86
Um grupo de cavaleiros de uma casa nobre inimiga se aproximando com o estandarte a mostra.
87
Uma pequena carroça com duas pessoas cercada por um grupo de bandidos.
88
Arcos de aço suspensos por colunas de diversos tamanhos e espessuras. Alguns deles possuem uma placa de vidro que parece aumentas as coisas de tamanho.
89
Uma alçapão coberto de terra e vegetação entreaberto.
90
Uma mensagem pedindo socorro, escrito com pedras ajeitadas sobre o campo.
91
Uma placa de madeira improvisada, com o desenho de um crânio mais a frente na estrada.
92
Um grupo de pessoas caídas no chão, todas elas parecem ter tido os rostos apagados.
93
Uma grande concentração de esqueletos usando restos de armas e armaduras, algumas delas com manchas de sangue fresco.
94
Uma lança de bronze, toda trabalhada com runas antigas, encravada em uma pedra.
95
Um grupo de 3 cavalos, equipados, com selas e algum equipamento de aventureiros, porém sem seus donos, pastando na mata.
96
Um diário de viajem, caído a beira da estrada, manchado de sangue.
97
Fogo começa a pegar no campo e se espalha rapidamente com o vento.
98
Uma caixa enterrada ao pé de uma árvore a alguma distância da estrada. Dentro dela, um mapa para uma cidade desconhecida com escritas em um idioma também desconhecido.
99
Dois cavaleiros de casa nobres rivais da cidade próxima duelando.
100
Um grupo de crianças procurando ajuda para chegar na cidade mais próxima.

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.