terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Será que a gente consegue levar a estátua de ouro do Deus Szagoth?

Uma coisa bastante comum nos RPGs Old School, e que até era algo que o livro recomendava que o mestre colocasse nas aventuras, eram tesouros que, apesar de valiosos, apresentavam dificuldades para sarem transportados e aproveitados pelos jogadores. Levar uma estátua de ouro de um Deus Antigo para a cidade para ser vendido por se mostrar mais difícil do que derrotar os homens bestas que a adoravam.

Confesso que, normalmente, eu não sou tão apegado a regras de carga e não controlo com exatidão o que os personagens dos jogadores estão carregando. Desde que, mais ou menos, eles consigam explicar como estão carregando essas coisas, tenham mochilas, sacolas e outros compartimentos e não estejam levando 15 espadas, 5 armaduras e coisas do tipo, está tudo certo. No entanto, volta e meia, eu gosto de colocar algo valioso na frente deles, que seja difícil de transportar e tirar do local onde se encontra e ver como eles lidam com isso. Mas para tanto, é preciso termos algumas noções sobre o quanto pesa cada coisa, o quanto cabe em cada lugar e tudo mais.

Não, eu não vou querer que todo mundo aprenda uma fórmula matemática e decore pesos e medidas em uma grande tabela de materiais. O objetivo da postagem é apresentar uma maneira quase intuitiva de fazer isso sem precisar perder nem 2 minutos na mesa de jogo e já ter uma boa estimativa da situação. Para isso, é preciso termos em mente algumas coisas.

O peso da água: 1 litro de água tem o volume de 1 decimetro cúbito (um cubo de 10 cm de lado) e pesa exatamente 1 quilograma. Um cubo de água de 1 metro de lado tem 1 tonelada. Sabendo o quanto água pesa e ocupa podemos usar ela como base para medir diversos outros materiais comparando-o coma  água através de estimativas aproximadas quanto a densidade delas.

Densidades próximas à da água: Muitos materiais e a maioria dos seres vivos tem densidade bastante próximas ao da água (ou mesmo carne crua), gelo, assim como a maioria das bebidas consumíveis (vinho, cerveja, sucos). Assim uma cabeça de um dragão que tenha cerca de 1 metro cúbico de volume vai pesar, aproximadamente, 1 tonelada e será bastante difícil de se transportar.

Materiais menos densos que água: Por outro lado, muitas outras coisas são mais leves do que água. A maioria delas, que são comumente usadas em jogos de fantasia, tem cerca de 2/3 da densidade da água, aproximadamente. São coisas como óleo, madeira, roupas em geral, carne seca, couro, cereais. Sendo assim, um metro cúbico dessas substâncias pesam 650kg mais ou menos. Um quadro de 10 centímetros de lado tem 650 gramas. Aqueles materiais realmente leves (e que raramente entram em jogo), como penas, neve e outras coisas do tipo teriam algo como 1/3 do peso do mesmo volume de água.

Materiais mais densos que água: Aqui entram diversas substância e em vários níveis. A maioria delas são potenciais tesouros e equipamentos dos personagens, assim como coisas que eles precisaram interagir e manusear durante suas aventuras.
Duas vezes: Terra, areia, argila, tijolos, cerâmica e outras materiais desse tipo são, em média, duas vezes mais pesados que a água. Um metro cúbico disso, então, pesaria 2 toneladas. Uma estátua em tamanho real de um ser humano, sólida, de cerâmica, por exemplo, pesaria algo em torno de 150kg.
Três vezes: Pedras, gemas, cristais, carvão mineral e outras substância desse tipo tem em média o triplo da densidade da água e portanto, o mesmo volume pesará três vezes mais. Um cubo de 10 centímetros de lado de pedra pesará 3kg e uma estátua de cristal de um homem pesaria por volta de 210 quilos.
Dez vezes: A grande maioria dos metais (principalmente os não tão valiosos, aqueles usados mais comumente) tem em média uma densidade 10 vezes superior à da água. Ferro, alumínio, chumbo, prata, cobre, bronze pesam 10 vezes o que o mesmo volume de água pesariam, assim, uma barra de prata com 20x10x5 cm pesaria 10 quilos.
Vinte vezes: Os metais mais preciosos, como ouro e platina, que são mais maleáveis, pesam por volta de 20 vezes mais que água. Ou seja, um metro cúbico desse material teria 20 toneladas. Uma estátua de uma dançarina feita toda de ouro teria umas 2 toneladas e seria quase impossível um grupo de aventureiros carrega-la para fora de uma masmorra.

Solidez: Nem todo objeto, no entanto, é completamente sólido e maciço. Algumas estátuas de metal era ocas por dentro para facilitar, justamente o transporte das mesmas (elas não eram feitas no local onde ficariam expostas). Para facilitar a estimativa do peso desses objetos, divida o seu valor pela metade (ou até por três, caso sejam objetos com uma camada bem fina apenas). Uma estátua de ouro de um Deus de aparência humana corpulenta (um homem daquele tamanho e massa pesaria algo em torno de 150 quilos) se fosse sólida teria 3 toneladas, mas como é oca, tem algo por volta de 1 tonelada e meia.

Com essas noções e estimativas aproximadas, acredito eu, que fica bem mais fácil ter uma ideia do quão pesado é algum objeto que o grupo encontra no caminho e a dificuldade que o grupo teria para interagir com ele. Não há necessidade de cálculos matemáticos complexos nem nada do tipo, basta tentar imaginar aquele objeto compactado em cubos para ter uma ideia do quanto ele pesaria se fosse feito de água e, depois, multiplicar esse peso por um valor apropriado de acordo com sua densidade média. Espero que isso ajude alguns mestres em suas aventuras, como eu sei que isso me ajudou bastante.

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.