quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Um RPG favorito que eu quase nunca jogo - #RPGaDay

Queria pedir desculpas por quase não ter feito, esse mês, postagens que não sejam do Blogfest #RPGaDay, mas é que estou me preparando para ir para a GENCON e as coisas estão um pouco enroladas aqui. Mas as postagens não vão parar e já estou escrevendo uma resenha da 1ª Edição do Gamma World (que é fantástica!). Hoje, depois de falar sobre o RPG mais Old School que eu tenho, falarei de outro que eu gosto muuuiiito mas quase nunca joguei.

O nome dele é Dragon Warriors e é um rival britânico do D&D. Mas não se engane ele não parece tanto com D&D assim, fora o fato de existir magia, espadas mágicas e monstros. O cenário e o clima do Dragon Warriors é bem mais adulto e sombrio. Ao contrário do que é facilmente percebido lendo o Jogo de Fantasia Original, a influência de Tolkien no Dragon Warriors, se existe, é praticamente irreconhecível. O jogo parece muito mais influenciado pelos livros de Espada e Feitiçaria e Ficção Histórica.

Os personagens dos jogadores são todos humanos, provindos de diversas culturas e etnias, dando uma variedade interessante aos tipos de personagens sem, necessariamente, se resumir a bônus nisso ou naquilo. Elfos, anões e halflings são criaturas raríssimas e você não vai encontrar um deles em uma taverna. O fantástico, a magias e o sinistro são raros mas reais, o que torna o clima de mistério e fantasia ainda mais fortes.

Em termos de regras, o jogo parece uma mistura de D&D antigo com Aventuras Fantásticas e com bastante coisa nova e interessante, como chance de bloquear ataques com escudo, armadura que absorve dano mas não torna o personagem mais difícil de ser acertado, um sistema próprio de magia e outras coisas. Mas uma das coisas que mais encanta no jogo, realmente, é o cenário riquíssimo e que inspira ideias de jogo e aventuras. Não é atoa que há alguns suplementos e aventuras expandindo o mundo (e as regras também) que são excelentes!

Para quem quiser conhecer melhor esse jogo incrível, eu fiz uma resenha completinha do novo Livro Básico deles aqui. Ele pode ser comprado por Print on Demand na RPGNow e, ao que parece, vai vir coisa nova para ele também. A OSR não vive só de D&D galera!

Esta postagem foi a nº 6 do #RPGaDay! Amanhã tem mais, com um RPG mais intelectual que eu tenho!



Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.