sexta-feira, 4 de abril de 2014

Criando Cidades para seu RPG como se fossem personagens!

Uma das coisas mais legais que um Mestre pode fazer é criar mundos fantásticos e cenários para seus próprios jogos. Eu adoro mundos publicados também, mas a liberdade de criar sua própria mitologia, continentes, cidades e outra coisas é muito bom. Uma das coisas que mais entram e jogo e tem um papel importante em muitas campanhas são as cidades por onde os aventureiros passam.

Com o intuito de ajudar a galera a criar cidades para seus jogos sem muito trabalho e com um pouco de aleatoriedade e diversão, criei esses "sisteminha" que trata esses locais como personagens, com atributos e algumas características. Ele pode ser útil tanto para quem está criando seu próprio mundo, como para aqueles mestres que jogam em mundos publicados quando precisam ter mais detalhes de cidades que não foram tão exploradas pelos livros ou quando quiserem acrescentar novas localidades. Basicamente as cidades terão seis atributos e algumas características derivadas desses atributos.

Atributos das Cidades

As cidades terão seis atributos: Defesa, Cultura, Religião, Tamanho, Economia e Arquitetura. Da mesma forma como se faz com personagens, esses atributos variam de 3 a 18 e são gerados com 3d6. Isso dará um escalonamento legal para essas estatísticas e permitirá separar as cidades em categorias distintas de acordo com o valor dos seus atributos. O Mestre pode optar por rolar os valores em ordem ou sorteá-los e os distribuir como preferir.

Defesa: Esse atributo mede o qual militarizada e preparada são as defesas da comunidade. Indica se a mesma possui um bom treinamento, armamento adequado e o quão bem se sairia em caso de ataques e cercos. Uma Defesa igual a 3 indicaria uma cidade totalmente pacifista que se recusaria a ter defesas, já um valor igual a 18 retrata uma cidade altamente militarizada, como Esparta.

Cultura: Atributo que representa o nível de cultura, instrução e eruditismo da localidade. Um alto valor nesse atributo indicaria a presença de centros acadêmicos, universidades e uma população, em geral, bem educada. Em um cenário de fantasia, isso pode indicar, também, a presença de Magos e outros estudiosos das artes da magia.

Religião: Religião aponta para o quão espiritualizada e religiosa é a cidade. Um valor baixo nesse atributo indicará uma baixa presença de igrejas e sacerdotes no local ou mesmo uma rejeição a esses indivíduos. Já um número alto nesse atributo pode representar uma comunidade altamente religiosa e até mesmo fanática. Em cenários de fantasia, isso pode ser utilizado também para medir a força dos Clérigos ali presentes.

Tamanho: É o indicativo do porte da cidade e sua estrutura como um todo. Valores baixos vão indicar vilarejos e valores altos grande metrópoles. Esse valor pode ser levado em consideração quando se olha os outros atributos também, já que influencia a cidade como um todo.

Economia: Mede o quão desenvolvida é a economia e o comércio na cidade. Um valor muito baixo indicará uma cidade com uma economia fechada, só de trocas entre si, já valores altos vão representar grandes polos comerciais que atraem mercadores de várias partes do mundo.

Arquitetura: Indica o nível de qualidade e beleza arquitetônica da comunidade. Valores baixos indicariam construções primitivas e precárias, já valores altos apontam para grandes castelos e construções belíssimas com vitrais e outras tecnologias.

Modificadores

Além de um número servir como indicador do nível de cada cidade nessas características, cada um deles aponta para um modificador específico (como acontece com personagens normais). Esses modificadores servem para apontar ao Mestre que ele pode criar aspectos para a cidade relativos a esses atributos. Modificadores negativos indicam uma certa quantidade de aspectos negativos ligados àquele atributo. Já aspectos positivos apontam para coisas boas ligadas àquele atributo.

Valor do Atributo
Modificador
3
-3
4 e 5
-2
6 a 8
-1
9 a 12
0
13 a 15
+1
16 e 17
+2
18
+3

Assim, com um modificador de +3 em Economia, eu criaria os seguintes aspectos para a cidade: grande porto internacional, guilda de mercadores forte, mercado negro. Isso ajuda a criar mais ideias e características para a cidade a fim de torná-la mais real e divertida durante o jogo. Uma opção é também usar esses modificadores para ajustar testes dos jogadores relacionados àqueles atributos quando estiverem na cidade.

Testes de Atributos

Ademais, os atributos podem ser testados da mesma forma que os Atributos dos personagens são testados. Imaginemos que uma cidade é atacada e precisamos saber se suas defesas foram efetivas. É só testar o atributo Defesa dali. Como o teste é feito dependerá do sistema de jogo que você utiliza. Pode ser que você utilize o valor total do atributo tendo que rolar um número abaixo do dele no d20, tenha que rolar o d20 com os modificadores para alcançar uma dificuldade ou qualquer outro método que preferir. Com uma certa abstração, você poderá testar os Atributos da cidade para determinar todo o tipo de coisa sobre ela.

Bem, acho que isso é tudo. Este é um "sisteminha" bem simples e funcional que já utilizei algumas vezes. Ele me ajuda a determinar alguns aspectos da cidade e me força a pensar em características mais específicas para ela que de outra forma talvez eu não pensasse. E aí? O que acharam?

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.