terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Bruxos & Bárbaros - Símbolo

Seguindo com o desenvolvimento do RPG Bruxos & Bárbaros, eu acabei me desviando um pouco da escrita e produzindo algumas imagens para o jogo. Ilustrações, mapas, iluminuras e até mesmo um símbolo que talvez sirva como uma síntese do jogo. E é sobre esse símbolo que falarei nessa postagem.

Eu criei seu primeiro esboço quando estava jogando RPG na Dungeon Carioca e de lá para cá, ele já passou por algumas revisões até chegar a essa forma "final", que acredito representar bem os conceitos principais do jogo, no estilo Espada e Feitiçaria. Temos tudo aqui. Uma espada, com uma gema em sua empunhadura rústica com tiras de couro. Um crânio sinistro, com brilho estranho no lugar dos olhos. Uma serpente monstruosa com chifres e espetos no rabo. E sangue, o que não pode faltar em qualquer história de Espada e Feitiçaria. Cada um desses elementos foi colocado propositalmente, pensando em seu significado e o que ele representa no Bruxos & Bárbaros. Por isso, nos próximos parágrafos, vou passar a fazer uma breve explicação de cada um deles (me sentindo de volta a escola de "design" fazendo análise da imagem).

Espada: A espada, figura central na imagem, representa o poder do homem, a sua força, a sua capacidade de se interferir e de agir em meio a um mundo tão perigoso. Ela representa, também, os personagens dos jogadores que vão apenas com suas coragens, aço e esperteza, para o fundo de masmorras e ruínas enfrentar o desconhecido.

Gema: A gema na ponta da empunhadura da espada está ali para simbolizar as riquezas, o ouro e as gemas que os aventureiros tanto buscam. Esses tesouros, muitas vezes são a razão para as aventuras e por isso ficam bem na base da espada.

Tiras de Couro: As tiras de couro rústicas na empunhadura da espada demonstram o aspecto "gritty" dos jogos de Espada e Feitiçaria. A baixa tecnologia, dos equipamentos mais rústicos, e a dureza e crueza do cenário. Isso sem contar que pode simbolizar a característica "do it yourself" dos jogos Old School.

Crânio: Um crânio logo lembra de um elemento sempre presente nas histórias de Espada e Feitiçaria, a morte. O crânio lembra também a condição mortal do homem (não há personagens não humanos) perante os perigos sinistros do cenário e, também,dos poderes necromânticos dos feiticeiros, ícones do gênero.

Caninos Avantajados: Os caninos avantajados do crânio lembram as criaturas sinistras e malignas das histórias de Espada e Feitiçaria. Mortos-vivos sinistros, vampiros, monstros e outras bestas da escuridão.

Brilho Bruxelante: Outro lembrete no crânio, mais especificamente nos olhos, dos poderes sinistros dos bruxos, e sua influência sobre os mortos.

Serpente: A serpente já tem um significado forte em nossa cultura, ela costuma sempre representar o mal, o sinistro, o maquiavélico, e aqui não é diferente. A serpente envolve toda a imagem, a espada, a arma dos aventureiros, cercando-os de perigos; ela penetra o crânio, sendo o caminho da morte. Sua cabeça está virada para frente, saindo do desenho, indo em direção ao observador, reforçando a ameaça que ela representa.

Chifres: Os chifres da serpente e seus espinhos estão aí para representar as criaturas bizarras desses mundos de fantasia. Os monstros são sempre bizarras perversões de criaturas mundanas, misturados com seres alienígenas e monstros mitológicos.

Sangue: Como não podia faltar, a moeda de troca do mundo de Espada e Feitiçaria. É como o seu próprio sangue que os aventureiros pagam por suas façanhas, é com sangue que os bruxos realizam seus rituais macabros. O sangue está sempre presente nas histórias, o líquido vital, o suar, a vitalidade e o poder.

Bem, eu sei que parece tudo um monte de baboseira, mas como sou formado em design, achei que não custava nada eu fazer uma análise e explicação do símbolo que desenvolvi para o jogo. Eu achei que ele representa muito bem o gênero de história que pretendemos contar com ele. Enfim, ainda pode ser que ele sofra algumas mudanças, mas o espírito é esse mesmo. O que vocês acharam?

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.