domingo, 28 de outubro de 2012

Pontos de Partida - Halloween

Halloween, ou Dia das Bruxas como conhecemos, é um feriado celebrado em diversos países pelo mundo com um dia se vestir com fantasias de monstros e sair de porta em porta pedindo doces. Mas nem sempre esse foi o ritual observado nessa data. De origem celta, esse dia era chamado de Samhein e marcava o fim da temporada de colheitas e o começo do longo e frio inverno. Acreditava-se, também, que a barreira que separava o mundo dos mortos e o mundo dos vivos se tornava mais fraca nesse dia, permitindo que espíritos retornassem do outro lado para fazer o que desejassem. Era uma data de preparativos para uma época difícil do ano e de rituais para apaziguar os mortos e espantar maus espíritos (alguns desses rituais envolvendo até sacrifícios humanos pelos druidas).

A igreja católica, mais tarde, trabalhou para afastar a imagem dessa data de rituais de outras crenças e até mudou a data do seu feriado de todos os santos (All Hallows) para 1º de novembro, transformando o Halloween na véspera desse feriado (Hallow's Eve). Essa data passou a ser o dia em que os vivos rezavam e ofereciam coisas para as almas das pessoas que ainda não tinham alcançado o paraíso e estavam no purgatório. Bolos eram oferecidos chamados de "Soul Cakes" (Bolos das Almas) a pessoas que iam até suas portas (o que pode ter dado origem ao que hoje conhecemos como "Doces ou Travessuras"). Com o passar do tempo, o dia que era uma data religiosa e importante foi se tornando uma mera brincadeira. Mas não precisa ser assim na sua mesa de jogo.

Pontos de Partida são uma séria de postagens com o objetivo de fornecer algumas ideias que podem ser usadas para criar aventuras, mini-campanhas e, quem sabe até, campanhas inteiras (isso vai depender de cada um). As ideias são apresentadas com um contexto, uma ambientação mais apropriada e algumas perguntas que você pode responder para ir formulando a aventura. Não tenho a pretensão de ser a pessoa mais criativa do mundo (mas eu até tento ser criativo) e algumas idéias podem ser baseadas em algum filme, livro ou história que você ouviu antes, mas com certeza elas podem ser modificadas e camufladas de forma que sejam novas para seus jogadores. O objetivo é, com poucas palavras, propor uma situação ou cenário que estimule a cabeça a pensar em algo. Não são aventuras completas, com encontros, monstros e soluções pré-definidas, mas sim Pontos de Partida para que se cada um possa desenvolver as aventuras como achar melhor.

Assim, abaixo serão apresentadas três ideias que podem ser desenvolvidas em aventuras completas que tenham como elemento criativo o Halloween, Dia das Bruxas, Dia dos Mortos ou algo relacionado a ele.

1. Uma oferenda ao Inverno: A cada treze anos, na data em que se oferecem orações ao mortos, uma maldição assola da pequena cidade de Artar. Um demônio, conhecido como Belsharar, o Príncipe da Escuridão, leva 13 jovens para seu covil, e elas jamais são vistas novamente. Sempre quando isto está para acontecer, as pessoas escondem suas filhas ou as mandam para longe (aqueles que podem pagar por isso), mas um culto se formou ao redor do demônio e os cultistas buscam e sequestram as vítimas para seu senhor. Como será que os personagens se envolvem? Uma irmã mais nova é levada? O pai de uma deles pede por socorro quando sua filha desaparece? Uma paixão é levada? Quem está envolvido? Pessoas poderosas da cidade? O que eles pretendem ganhar? Será que vão conseguir salvar as 13 jovens a tempo?

2. Um Mundo Sem Morte: A cada 13 mil anos, a Morte (ou o Deus da Morte, ou a entidade responsável pelos mortos) precisa reafirmar seu controle sobre as almas do vivos. Acontece que, desta vez, ela foi impedida, pois teve seus poderes roubados por um rival (outro deus, entidade, feiticeiro ou sacerdote). Assim, ela convoca campeões (talvez vivos, talvez já mortos que retornariam a vida) para ajudarem ela a retomar seus poderes em troca de liberarem eles de suas garras (eles poderão finalmente descansar ou retornar a vida, se assim desejarem). Mas quem roubou os poderes dela? Como? Por qual motivo? Talvez algum feiticeiro que deseja a vida eterna, ou um louco que não quer que ninguém jamais morra (imagine o caos que isso traria ao mundo). Os personagens dos jogadores podem ser mortos-vivos e almas que ficaram presas no purgatório que agora buscam redenção ou um meio de se livrar de suas maldições.

3. Simbiose Zumbi: Em um futuro não muito distante, um meteoro cai na terra trazendo algo terrível. Uma espécie de parasita, simbionte, insetóide que se liga a pessoas transformando-as em "zumbis". Para procriar e dar continuidade a sua espécie, que tem uma sociedade e pensamento de colmeia (uma grande rainha que veio dentro do meteoro que caiu controla toda a espécie), o parasita precisa infectar as pessoas, que se tornam zumbis muito rápido. Os personagens podem ser sobreviventes, agentes do exército ou de alguma força especial que deseja encontrar a rainha e matá-la, para que a espécie perca sua organização de cérebro, salvando a humanidade de sua possível aniquilação.

As ideias iniciais são essas três (a última não tem ligação direta com Halloween, mas se relaciona com zumbis que, de qualquer forma, tem a ver com o Dia das Bruxas), mas com certeza é só parar para pensar um pouco que outras vão surgir, horror, fantasmas, mortos e outros seres sobrenaturais são um prato cheio para aventuras.

Se você gostou da postagem, visite a página do Pontos de Experiência no Facebook e clique em curtir. Você pode seguir o blog no Twitter também no @diogoxp.